Servidores da UFMA cadastram digitais para início do Projeto piloto das 30 horas



A Comissão das 30 horas apresentou às Chefias nos dias 22 e 23 de julho, durante as reuniões do CONSEPE e CONSAD, as bases legais, dados gerais e específicos e formulários aplicados para a implantação da fase de teste das 30 horas.

 

Além disso, as informações captadas pelos membros da Comissão durante os últimos meses, além do cronograma de implantação da fase experimental foram divulgados. Ao final das explanações, os gestores elogiaram o trabalho desenvolvido pela Comissão de ampliação e flexibilização da jornada de trabalho na UFMA, dizendo ainda que tal atitude já deveria ter sido tomada há algum tempo atrás.

 

[caption id="attachment_3975" align="alignnone" width="430"]DESTAQUES Servidor Técnico-administrativo da UFMA, realiza cadastro da digital para implementação da fase “piloto” do Projeto das 30 horas semanais.[/caption]

 

Desde ontem, 25, membros da Comissão iniciaram o cadastramento das digitais dos servidores do NTI, Biblioteca e PRH, setores que serão contemplados com a fase experimental.

 

Segundo o secretário geral do Sintema, João Batista Jansen, que também é membro da Comissão, tão logo seja publicada a Portaria que autoriza o inicio do Projeto piloto, pela administração da Ufma, os servidores dos setores descritos irão trabalhar no regime das 6 horas diárias.

 

A previsão é de que em meados de novembro o Projeto final esteja pronto.

 

Fonte: Imprensa Sintema.

Post a Comment

Your email is kept private. Required fields are marked *

Receba nossas notícias

Verifique sua caixa de email

em cima da hora:

Nota de Esclarecimento | Sintema, Assuma, AAUFMA e Sindufma